Anderson Jacson </a>  
Login

Menu

4 visitantes online (1 na seção: Artigos e Dicas)

Usuários: 0
Visitantes: 4

mais...

SmartSection is developed by The SmartFactory (http://www.smartfactory.ca), a division of INBOX Solutions (http://inboxinternational.com)
Linux >
Publicado por Anderson em 17/3/2010 (2222 leituras)
Personalizar páginas de erro do Squid por acls
 
Quando o Squid é instalado via pacote, em geral ele já possui um diretório padrão onde as páginas de erro são armazenadas. Por exemplo, no Debian, elas ficam em /usr/share/squid/errors/English. Em outros empacotamentos, elas podem estar em /etc/squid/errors. De qualquer forma, é possível escolher qual o diretório que lhe agrada, procurando no squid.conf pelo parâmetro error_directory, alterando-o se desejar.

Estas páginas são arquivos html com nomes em maíusculas correspondente ao erro que as carregará. Por exemplo, quando o acesso for negado ao usuário, o conteúdo da página ERR_ACCESS_DENIED será exibido.

Após alterar as páginas, formatando-as a seu gosto, é preciso reiniciar o Squid para que as mudanças passem a vigorar.
Criar páginas únicas

Para criar uma página de erro que deve ser exibida em caso de uma ACL falhar é preciso procurar no squid.conf o parâmetro deny_info. O formato de uso para este parâmetro, conforme podemos ver na ajuda do squid.conf é:
deny_info pagina_de_erro acl


ou
deny_info http://URL acl


Exemplo
deny_info erro_endereco_pornografia por
n

Onde erro_endereco_pornografia é uma página HTML de erro, criada por você, explicando que aquele endereço que o usuário tentou acessar é de uma possível página pornográfica e porn é a ACL que lista os sites pornográficos. Se optar por ativar este parâmetro, não esqueça de criar a página erro_endereco_pornografia, colocá-la no diretório das páginas de erro e então reiniciar o Squid. Além disso, é possível, em vez de mostrar uma página de erro criada por você, redirecionar o usuário para um endereço web qualquer, substituindo erro_endereco_pornografia pelo endereço desejado. 
 
Referência: Dicas-L
 

Navegue pelos artigos
Artigo prévio Colocar Debian no AD Próximo artigo
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.
Pesquisa